Cuidar dos preservativos é fundamental para que durante as relações sexuais não se tenham surpresas. Há que ter alguns cuidados com os preservativos para que estes mantenham sempre a sua eficácia. Nesse sentido juntámos algumas dicas para seguires…

Pontos chave para cuidar dos preservativos

Apenas deve usar preservativos com qualidade CE!

Esta é a primeira coisa a notar sobre como cuidar dos preservativos. Pois apenas os que têm o selo da Comunidade Europeia é que estão devidamente homologados em termos de segurança e eficácia. São os que estão assegurados segundo os padrões de qualidade.

Coloque o preservativo antes de haver algum contacto entre vagina e pénis

Antes de todo e qualquer contacto entre o pénis e a vagina deve ter o preservativo colocado, seja masculino ou feminino. Pois com os preliminares há alguma excitação que leva à libertação de sémen, em pequenas quantidades, bem como limita a disseminação de doenças sexualmente transmissíveis.

O mesmo se aplica ao pénis, vagina, boca ou ânus! Preservativo sempre antes de qualquer contacto!

Mais sexo, novo preservativo

Sempre que tenha sexo deve usar um preservativo novo. Os preservativos não podem, nem devem ser reutilizados. Pois após o primeiro uso devem ser deitados fora.

A regra dos 30 minutos permite cuidar dos preservativos

Se considera ter uma sessão de sexo longa, lembre-se de mudar o preservativo a cada 30 minutos. Pois a fricção constante pode fazer com que o preservativo fique mais fraco, e como tal vai perder a eficácia. Assim para manter o sexo seguro, deve trocar de preservativo a cada 30 minutos!

Um preservativo de cada vez

Regra de ouro para cuidar dos preservativos é nunca usar dois de uma vez. Mesmo que seja um preservativo masculino com outro feminino. É que os dois irão fazer fricção e esta irá enfraquecer os preservativos, podendo estes romper.

Mantenha os preservativos frios

Preservativos quentes podem estar danificados, por isso para cuidar dos preservativos deve de os guardar num local seco e fresco. Longe do calor do sol.

Os preservativos não duram para sempre

Não esqueça, que como qualquer produto, estes têm prazo de validade. Esta está inscrita na caixa e mesmo no invólucro que envolve o preservativo. Não use preservativos que tenham passado da data de validade!

Tenha sexo seguro nas férias

Sempre que vá de férias, faça sexo seguro, compre preservativos para evitar problemas de linguística e tente encontrar onde os comprar quando acabarem!

Não use loções ou lubrificantes à base de óleo com os preservativos

Loções corporais, lubrificantes à base de óleos, batom, vaselina, podem danificar o preservativo. Tornam-nos mais fracos e como tal ficam menos eficazes!

Como lubrificante, recorre aos lubrificantes à base de água, disponíveis em farmácias ou sexshops. Estes são especialmente úteis para o sexo anal!

Preservativos e sexo oral

Durante o sexo oral é aconselhável usar preservativo, para proteger contra doenças sexualmente transmissíveis, como o HIV e a sífilis. Bem como outras condições que afetam a boca, garganta, como herpes, gonorreia, clamídia.

Pode recorrer a preservativos com sabor para ter outra experiência durante o sexo oral.

Como deitar fora os preservativos?

Os preservativos não devem ser colocados pela sanita abaixo. Estes devem ser enrolados num papel e depois colocados no balde do lixo. Nunca os coloque na sanita pois podem entupir os esgotos da casa.

Cuidar dos preservativos ao comprar…

Outro tipo de cuidar dos preservativos é aquando da sua compra. Assim, há que ter cuidado com os locais onde os comprar. Evite sites de leilões, deve de comprar os preservativos em lojas online de confiança e que tenham o selo da CE, e que não tenham ido para lá da data de validade!

Outras formas de proteção durante sexo

O uso de preservativo é a forma mais comum de proteger contra todos os riscos do sexo. Mas há ainda proteções extra contra gravidezes (caso o preservativo falhe).

Assim pode usar outra forma de contracetivo como implantes, injeções, pílulas, ou anel vaginal. Mas estes não são infalíveis contra as doenças sexualmente transmissíveis, contra essas, só a abstinência, ou o uso de preservativo!